(84) 99828-4059
falecom@portaldoserido.com

Médico potiguar que sobreviveu a acidente na África é preso; entenda

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O médico potiguar Charles Sá, que sobreviveu a um acidente com 8 mortos na Namíbia, foi preso por homicídio culposo. A informação foi divulgada por jornais africanos nesta sexta-feira (21). O caso é investigado pela polícia da Namíbia.

De acordo com a polícia da Namíbia, a colisão ocorreu na rodovia B1 e envolveu um carro de sete lugares e uma SUV. O acidente resultou na morte de oito pessoas, entre elas a médica Natale Gontijo, esposa de Sá. O carro em que o casal potiguar estava bateu e frente com outro veículo onde estavam sete pessoas.

Ao jornal The Namibian, a inspetora da polícia Maureen Mbeha relatou que o casal de potiguares teria tentado ultrapassar um carro e bateu de frente com um outro veículo que vinha na pista contrária.

Segundo informações da imprensa local, o médico potiguar foi preso e acusado por homicídio culposo direção imprudente e direção imprudente, de acordo com a Lei de Trânsito de 1988. A polícia transferiu o caso para Otavi, município de Otjozondjupa, na Namíbia, para investigação. A primeira audiência de Charles Sá foi marcada para 27 de junho.

Tribuna do Norte